Confederao Brasileira de Automobilismo

Fia Fia

  • 18
  • NOVEMBRO / 2018
    Brasileiro de Rally de Velocidade
    PR - A definir
  • 25
  • NOVEMBRO / 2018
    Fórmula 1
    Abu Dhabi
  • 25
  • NOVEMBRO / 2018
    Codasur Rally Sulamericano
    Uruguai
  • 25
  • NOVEMBRO / 2018
    Porsche Carrera Cup e GT3 Cup Challenge Brasil 2018 (Endurance)
    São Paulo - Endurance
  • 25
  • NOVEMBRO / 2018
    Mitsubishi Cup
    VeloCittá
  • 25
  • NOVEMBRO / 2018
    Copa Brasil de Autocross
    Cuiaba
  • 25
  • NOVEMBRO / 2018
    Brasileiro de Marcas e Pilotos
    Cuiaba
  • 25
  • NOVEMBRO / 2018
    Brasileiro de Autocross
    Cuiabá



Noticias

11/04/2016
Cacá Bueno vence a primeira no Velopark

Piloto da Red Bull dominou toda a corrida

Cacá Bueno conquistou sua 35ª vitória na Stock Car no início da tarde deste domingo (10), ao vencer a primeira bateria da segunda etapa da temporada 2016, disputada no circuito do Velopark, em Nova Santa Rita (RS). O piloto da Red Bull Racing esteve na liderança na maior parte das 44 voltas da prova, e soube se defender dos ataques de Daniel Serra para triunfar pela primeira vez no ano.

Daniel Serra completou a dobradinha da Red Bull na primeira corrida, fechando o páreo na segunda colocação. O pódio ainda contou com o atual campeão Marcos Gomes, com o carro da Cimed Racing. Felipe Fraga, companheiro de equipe de Marquinhos, foi o quarto, seguido por Max Wilson.

Rubens Barrichello foi o sexto, enquanto Denis Navarro completou na sétima colocação, seguido por Átila Abreu. Valdeno Brito completou com a nona posição, e Diego Nunes completou a lista dos dez primeiros, garantindo assim a pole position da segunda bateria.

Apesar da vitória, Cacá Bueno lamentou um problema com o botão de ultrapassagem de seu carro. “Alguma coisa aconteceu com meu botão de ultrapassagem. De primeira e segunda marcha, ele pipocava. Então em todas as disputas com o Daniel ele tinha vantagem”, comentou o piloto, em entrevista ao canal Sportv.

O pentacampeão agora é o quarto maior vencedor da Stock Car, superando Chico Serra. O piloto brincou com o fato. “Acabei de passar o Chico Serra em número de vitórias, e estou a seis de alcançar o Paulo Gomes. E eu corro contra os filhos deles. Significa que estou ficando velho e que eu ainda consigo fazer boas corridas”, completou.

A segunda corrida do final de semana está marcada para 14h10.

A corrida

A largada teve Cacá Bueno mantendo a primeira colocação, seguido por Serra e Maurício, que foi atacado por Marcos Gomes, enquanto Max Wilson fechava a lista dos cinco primeiros. Mais atrás, Galid Osman, Lucas Foresti, Luciano Burti e Popó Bueno se envolveram em um incidente e saíram da pista. Na terceira volta, Cesar Ramos abandonou a corrida, forçando a entrada do Safety Car para retirada de seu carro.

A relargada foi acionada na sexta volta, com Serra pressionando Cacá Bueno, enquanto Gomes atacou Maurício, tomando a terceira posição na nona passagem. A liderança foi alcançada por Serrinha na décima volta, com uma ultrapassagem sobre o companheiro de equipe na reta dos boxes. Atrás, Fábio Carbone atingiu Felipe Lapenna e foi punido posteriormente pela direção de prova.

Cacá Bueno retomou a liderança na volta seguinte, enquanto Gomes voltou a superar Maurício no mesmo giro. Outros dois que passaram a brigar foram Julio Campos e Felipe Fraga, aí pela sétima colocação. Thiago Camilo abandonou a disputa da etapa do Velopark na 19ª passagem, enquanto Barrichello superou Max Wilson para assumir a quinta posição, recuperada pelo piloto da Eurofarma RC na sequência.

Com Cacá abrindo vantagem em relação aos líderes, as atenções se voltaram para a disputa pela terceira posição, envolvendo Gomes e Maurício. Que trocavam ultrapassagens sempre na reta principal do circuito gaúcho, com o piloto do carro número 90 após a 26ª passagem. Quem também cresceu na corrida foi Valdeno Brito, que superou Vitor Genz para ganhar a 11ª posição.

Barrichello, Wilson e Fraga passaram a disputar a quinta posição, e o tocantinense da Cimed Racing levou a melhor com uma ultrapassagem dupla na 38ª passagem. Um giro antes, o campeão de 2014 passou por cima de uma zebra e escapou da pista, sofrendo uma avaria na asa traseira do carro preparado pela Medley Full Time.

O Safety Car precisou ser acionado na 40ª volta depois de o carro de Ricardo Maurício ficar parado na pista. A relargada aconteceu na 43ª passagem e Serra atacou Cacá, que conseguiu se defender do ataque e seguiu para a vitória. Serra terminou em segundo, enquanto Marcos Gomes completou o pódio.

Foto: Fernanda Freixosa