Confederao Brasileira de Automobilismo

Fia Fia

  • 17
  • DEZEMBRO / 2017
    Brasileiro de Drift
    Rio de Janeiro

Noticias

21/11/2017
F-3 Brasil: Samaia e Fraga vencem duas vezes em Goiânia e conquistam os títulos da temporada

Samaia fatura o campeonato principal, Fraga leva a taça da Academy

Vitórias em praticamente todas as etapas, maiores vencedores, dominantes em quase todos os classificatórios... Com tantos momentos brilhantes durante a temporada, Guilherme Samaia, na disputa principal, e Igor Fraga, na Academy, confirmaram o favoritismo e conquistaram os títulos de suas categorias na F-3 Brasil, neste sábado (18), em Goiânia (GO). Isso com uma etapa antes do fim do campeonato.
Samaia voltou a mostrar toda sua superioridade ao vencer as duas corridas na capital de Goiás. Com isso, chegou à marca de 11 triunfos em 2017, com 14 provas disputadas. Com 189 pontos, não pode mais ser alcançado por Giuliano Raucci, com 132.
O agora campeão da categoria principal deixou de lado a frustração por não ter ficado com a pole position neste fim de semana para confirmar o título com antecedência. Ele obteve pelo menos uma vitória nas sete etapas disputadas até o momento.
“Estou muito feliz com o título, conseguimos ganhar 11 corridas na temporada. As provas que perdemos foram por falha mecânica. Tudo isso serve para mim como uma preparação para correr na Europa. Quanto mais tempo na pista, melhor”, declarou Samaia.
A situação foi muito parecida na Academy, na qual Igor Fraga também confirmou o título com antecipação. Apesar do carro inferior em relação aos pilotos da disputa principal, ele surpreendeu com a pole position em Goiânia. E obteve mais dois triunfos em sua categoria, com duas terceiras colocações no geral.
Depois de sete etapas (e 14 corridas), Fraga chegou a nove vitórias e 166 pontos, não podendo mais ser superado por Enzo Elias, com 120. O campeão só não conseguiu vencer na abertura do campeonato, em Curitiba. Mas nada que atrapalhasse seu desempenho.
Vale lembrar que na semana passada, Fraga foi premiado com o Capacete de Ouro na categoria Fórmula 3, a principal premiação do automobilismo brasileiro. Samaia ficou com o Capacete de Prata.
Ainda falta mais uma etapa para o fim da temporada da F-3 Brasil. Os pilotos voltam a se reunir no dia 10 de dezembro, no autódromo de Interlagos, em São Paulo (SP).

Corrida 1
Nem bem foi dada a largada e a primeira prova deste sábado, em Goiânia, praticamente ficou definida. Afinal, logo no início, Guilherme Samaia, da categoria principal, conseguiu ultrapassar Igor Fraga, da Academy, para assumir a liderança da corrida. Vale lembrar que na sexta-feira, Fraga surpreendeu ao ficar com a pole position, mesmo não sendo da categoria mais forte.
Com um carro mais veloz, Samaia se consolidou na ponta e, já no fim da primeira volta, tinha dois segundos de vantagem em cima do vice-líder.
A disputa, então, passou a ser pela segunda colocação, entre Fraga e Giuliano Raucci. Em duas oportunidades, Fraga chegou a ser superado, mas retomou a posição. Até que, no fim do terceiro giro, Raucci deixou o adversário da Academy para trás.
A partir de então, os três primeiros colocados consolidaram suas posições, sem serem incomodados.
Em uma corrida sem confusões, o único abandono foi de Pedro Goulart. Na sexta volta, ele precisou deixar a disputa por problemas no carro. Na ocasião, ele lutava por posição com Léo Barbosa.
Líder do campeonato e precisando de somente oito pontos para confirmar o título da categoria principal, Samaia se manteve na liderança até o fim, aumentando a diferença para os demais pilotos a cada giro. Tanto que, após 24 voltas, ele terminou a corrida com mais de 24 segundos de vantagem para o segundo colocado, Giuliano Raucci. Um belo desempenho para confirmar a conquista.
Com a quarta posição geral, Leonardo de Souza completou o pódio da categoria principal.
Já na Academy, Igor Fraga manteve o bom momento e saiu vitorioso, com o terceiro lugar no geral. Em seguida, vieram Enzo Elias (quinto no geral) e Léo Barbosa (sétimo).

Corrida 2
Com a inversão de seis posições no grid de largada, Emilio Padron largou na pole na segunda prova da etapa de Goiânia, neste sábado. O piloto manteve a ponta na largada, enquanto o segundo colocado Enzo Elias, da Academy, teve problemas e nem sequer completou uma volta.
Já campeão da categoria principal, Guilherme Samaia não diminuiu seu ímpeto por mais uma vitória e logo pulou da sexta posição para o terceiro lugar, atrás de Padron e Giuliano Raucci.
Em seguida, Raucci e Samaia deixaram Padron para trás e passaram a disputar liderança da prova. Os dois competidores tiveram um belo combate até que o vencedor da primeira prova conseguiu ultrapassar o adversário por fora na curva 0, mantendo a dianteira no fim da reta.
Enquanto isso, Igor Fraga, que largou em quarto, passava para a terceira posição, sendo o melhor da Academy. Já Padron vinha logo atrás.
A única alteração até o fim da prova foi a ultrapassagem de Leonardo de Souza em cima de Padron em disputa por um lugar no pódio na categoria principal. Isso porque, os três primeiros colocados no geral não deram chances para os demais competidores e mantiveram suas colocações.
Assim, Samaia venceu pela segunda vez no fim de semana em Goiânia, com Raucci em segundo.
Já na Academy, Fraga se manteve no lugar mais alto do pódio (terceiro no geral), seguido por Léo Barbosa (sexto no geral) e Pedro Goulart (sétimo).

Declarações dos pilotos

“Estou muito feliz com o ritmo que tive nas corridas, a equipe está de parabéns, me deu um equipamento excepcional no fim de semana. Foi uma pena que tivemos um problema de motor na classificação. Mas deu tudo certo no fim, conseguimos pular para primeiro nas primeiras voltas nas duas corridas e colocamos um ritmo muito forte. Estou feliz com meu rendimento nas corridas e com o título”
Guilherme Samaia

“Graças a Deus, deu tudo certo. No começo, eu estava vindo com um ritmo muito forte, vinha mantendo uma tocada constante. Mas faltando seis, sete voltas para o fim da segunda prova, minha terceira marcha quebrou. Se não bastasse, na penúltima volta, quebrou a quarta marcha. Então, tive de trazer o carro em segunda para garantir o resultado. Estou muito feliz”
Igor Fraga

Resultados

Corrida 1

1-) 77 Guilherme Samaia (F3A - Cesário F3) – 32m01s980 (24 voltas)
2-) 112 Giuliano Raucci (F3A - RDC Motorsport) - a 24.470
3-) 54 Igor Fraga (F3B - PropCar Racing) - a 52.189
4-) 91 Leonardo de Souza (F3A - Kemba Racing) - a 1:25.042
5-) 73 Enzo Elias (F3B - Hitech Racing) - a 1 volta
6-) 17 Emilio Padron (F3A - PropCar Racing) - a 1 volta
7-) 55 Léo Barbosa (F3B - PropCar Racing) - a 2 voltas
Não completou
119 Pedro Goulart (F3B - RDC Motorsports)

Corrida 2

1-) 77 Guilherme Samaia (F3A - Cesário F3) – 31m58s839 (24 voltas)
2-) 112 Giuliano Raucci (F3A - RDC Motorsport) - a 39.015
3-) 54 Igor Fraga (F3B - PropCar Racing) - a 1:17.727
4-) 91 Leonardo de Souza (F3A - Kemba Racing) - a 1:19.977
5-) 17 Emilio Padron (F3A - PropCar Racing) - a 1 volta
6-) 55 Léo Barbosa (F3B - PropCar Racing) - a 1 volta
7-) 119 Pedro Goulart (F3B - RDC Motorsports) - a 1 volta
Não completou
73 Enzo Elias (F3B - Hitech Racing)

Classificações
F-3 Brasil

1-) Guilherme Samaia – 189 pontos
2-) Giuliano Raucci – 132
3-) Murilo Coletta – 66
4-) Leo de Souza – 62
5-) José Artur Fortunato – 37
6-) Pedro Caland – 24
7-) Hernan Palazzo – 21
8-) Emilio Padron – 21
9-) Christian Hahn – 14
10-) Airton Santos – 10
11-) Rafael V. Grandi – 9
12-) Vitor Baptista – 9

F-3 Academy

1-) Igor Fraga – 166 pontos
2-) Enzo Elias – 120
3-) Léo Barbosa – 109
4-) Marcel Coletta – 93
5-) Pedro Goulart – 86
6-) Rafael Barranco – 9
7-) Sérgio Henrique – 7
8-) Renan Pietrowski – 5
9-) Alberto César – 0
10-) Matheus Santa’anna – 0
11-) Pedro Saderi – 0